No Dia do Pedagogo, Prefeitura reinaugura Centro de Referência Multidisciplinar da Educação Inclusiva

Uma caminhada na manhã deste sábado (20)  marcou a reinauguração do Centro de Referência Multidisciplinar da Educação Inclusiva (Cermult).  O novo projeto da Prefeitura de Irecê traz um espaço mais adequado aos atendimentos e mais amplo que o anterior, que funcionava no antigo Projeto Rondon. O centro é vinculado à Secretaria Municipal de Educação de Irecê e, por meio de parcerias com as Secretarias de Saúde e de Desenvolvimento Social, realiza atendimento multidisciplinar para crianças e adolescentes, matriculados na Rede Municipal, que apresentem Necessidades Educacionais Especiais (NEE).

 

“O Cermult é um lugar muito importante para a comunidade, contemplando quem mais precisa de atendimento especializado, que são os alunos com necessidades especiais da rede pública de ensino. A educação inclusiva é prioridade na nossa gestão. Por isso, nos dedicamos para entregar um espaço à altura do que a população, as mães e pais de família e seus filhos merecem”, garantiu o prefeito Elmo Vaz, comovido com o evento.

 

O secretário de Educação, Agnaldo Freitas se mostrou satisfeito com a ação.  "A sensação é do dever cumprindo já nesse primeiro quadrimestre de gestão. Mas temos consciência que ainda há muito a fazer.”, analisou. Agnaldo ainda lembrou o dia do Pedagogo, comemorado em 20 de maio: “Nessa data especial, cabe a reflexão de que a nossa missão de ensinar passa pela labuta da alfabetização até cuidar do aluno especial. Parabéns aos colegas pedagogos”.  


Homenagem 

A nova casa, localizada na Rua Cláudio Pereira Nunes (ao lado do CEO), ganhou o nome de Hiago Souza Silva, uma homenagem à primeira criança atendida pelo Cermult, falecida em 2013, em decorrência de um câncer. A família do menino participou, emocionada, do agraciamento. Para a coordenadora do Cermult e educadora técnica de Educação Inclusiva, Cláudia de Almeida Silva, a láurea é justa: “Hiago era deficiente visual, mas essa condição não o impunha limites. Ao contrário: a deficiência o tornava mais eficiente. Ele queria ser livre”, lembrou. Ela também destacou que agora o Cermult conta com fisioterapia, especialidade que não havia antes. 

 

Só este ano, o Cermult já realizou quase 800 atendimentos com psicólogos, psicopedagogos, fonoaudiólogos, terapeuta ocupacional, fisioterapeuta e assistente social. Além disso, foram iniciados atendimentos com fisioterapeuta que trabalha em exercício de solos e hidroginástica, e realizou cerca de 150 consultas com neurologista, oftalmologista, ortopedista e otorrinolaringologista.

Educação - 20 de maio - 2017 às 15h47
netools comunicação digital
Prefeitura Municipal de Irecê - Praça Teotônio Marques Dourado Filho, 01 Centro - Irecê-Ba - 2017